No meu último artigo já vos tinha falado das Vantagens e Desvantagens do Couchsurfing. Hoje decidi elaborar um pouco mais sobre o assunto e reuni 10 dicas para fazer Couchsurfing. São preciosas! Usem e abusem delas, porque vão fazer de vocês o couchsurfer mais cool do pedaço. Ora vejam…

o que é couchsurfing

Dicas Gerais para Fazer Couchsurfing

Escrevam cuidadosamente o vosso perfil

Incluam detalhes acerca dos vossos hobbies e do que mais gostam de fazer. Escolham fotografias que espelhem a vossa personalidade. Não utilizem imagens desfocadas ou que não deixem ver o vosso rosto. Se não quiserem ser alvo de investidas amorosas, podem até deixar explícito no vosso perfil que estão numa relação!

Leiam o perfil completo do couchsurfer

Leiam tudo sobre com quem querem ficar ou que estão a pensar receber. Reparem nas entrelinhas. Se a outra pessoa apenas tiver fotografias com pessoas do sexo oposto, desconfiem. Leiam as referências que os outros membros da comunidade deixam: se só existirem comentários de pessoas do sexo oposto, pensem duas vezes.

Verifiquem as referências

Fiquem apenas com couchsurfers que têm um número aceitável de referências. Pelo menos 5 é a minha regra.

Pesquisem muito

Antes de enviarem um pedido, leiam muitos perfis. Tenham a certeza que o perfil do couchsurfer se adequa à vossa personalidade. Se ele tiver apenas fotografias de festa e regabofe, provavelmente vão ter poucas horas de sono. Se escolherem um couchsurfer mais velho, provavelmente essa pessoa vai ter menos tempo para vocês, mas vai fazer tudo dentro do possível para melhorar a vossa experiência.

Enviem um número considerável de pedidos 

Os anfitriões são poucos para o número de hóspedes. Principalmente aqueles que têm muitas referências positivas. Terão de ser pacientes e enviar muitos pedidos para serem aceites por alguém.

… mas não enviem pedidos standards.

Quem vos vai receber está à espera de alguém com quem tenha algo em comum. Portanto, façam referência a isso mesmo nos pedidos que enviarem. Gostos musicais, destinos de viagem em comum, hobbies semelhantes, etc.

Enviem o pedido na altura certa

Ninguém sabe se vos vai poder receber daqui a 3 meses. E a maioria não vai querer saber no próprio dia. Dependendo de cada pessoa, diria que o ideal será contactar anfitriões entre 1 mês e 5 dias antes da vossa chegada.

Avisem alguém do local onde vão ficar

Se se sentem inseguros, avisem de antemão um amigo próximo onde vão ficar e com quem. Se algo de mau acontecer (tipo, 0,00001% de probabilidade), alguém vai saber onde vocês andaram. Tentem também encontrar-se com o couchsurfer num local público. Sempre podem tirar a pinta do anfitrião antes de entrarem na casa dele…

Tenham um backup plan

Quer recebam, quer fiquem alojados. Se forem anfitriões, tenham preparado um “discurso” caso se sintam desconfortáveis com a pessoa que está em vossa casa. Saibam o que fazer se alguma coisa corre mal. Se forem hóspedes, tenham sempre um “plano b”, ou seja, um hotel para onde possam ir se o vosso anfitrião não vos atender o telemóvel, por exemplo. E não fiquem com ninguém que vos faça sentir desconfortável.

Alojem primeiro

Esta dica é de OURO. Alojem antes de serem alojados por um couchsurfer. Vão se sentir mais confortáveis na posição de anfitrião (estão na vossa cidade e na vossa cidade), até porque se estiverem desconfortáveis com o vosso hóspede, podem sempre mandá-lo embora. Se alojarem primeiro, vão sentir a experiência do Couchsurfing, vão perceber como funciona e vão ficar tentados a arriscar ficar na casa de um  couchsurfer!

dicas couchsurfing

Dicas de Couchsurfing: Na posição de Anfitrião…

Estabeleçam as regras da casa e sejam claros

Isto significa comunicar as regras da casa antes de o hóspede chegar e voltar a reforçá-las no primeiro momento de contacto, quando o couchsurfer chega. Não deixem para depois, porque vão sentir-se desconfortáveis a fazer este tipo de comunicação mais directiva quando já sentirem empatia com a pessoa…

Não tenham medo de ter regras 

Regras comuns incluem: o hóspede ter ou não ter acesso à chave de casa, horários, acesso à comida da casa, acesso à cozinha, consumíveis da casa-de-banho, fumar, animais, trazer amigos. Não pensem que estão a ser cafonas. Estabelecer regras é um factor de sucesso para boas relações entre couchsurfers. Afinal de contas, estão a abrir a porta da vossa casa a quem não conhecem…

Sejam claros acerca das condições da casa

Antes do hóspede chegar, é simpático comunicar-lhes exactamente onde vão dormir (Sofá? Colchão? Sala? Quarto?). Clarificar expectativas é uma parte muito importante do Couchsurfing!

Sejam flexíveis e dêem espaço

Principalmente na hora de chegada. Provavelmente, o vosso hóspede vai chegar cansado, com fome, a precisar de ir à casa-de-banho, etc. Vai haver muito tempo para conviver!

 dicas couchsurfing

Dicas de Couchsurfing: Na posição de Hóspede…

Certifiquem-se das condições do alojamento

De preferência, antes da chegada. Poderão ter de levar o vosso saco-cama, toalhas e almofada, por exemplo. Não se esqueçam de ter guardado de antemão o número de telefone do vosso anfitrião e saber exactamente o local do ponto de encontro ou a morada de onde vão ficar.

Tragam um souvenir para o vosso anfitrião

Pode ser uma lembrança da vossa cidade, uns chocolates, ou qualquer outra coisa que achem conveniente. O importante é mostrarem que não estão ali por causa de um alojamento gratuito.

Sejam flexíveis

Não vão com os planos todos fechados. Adaptem-se às regras da casa e ao alojamento que vos dão. Sintam o estado de espírito do vosso anfitrião e adaptem-se. Talvez ele esteja cheio de energia e queira mostrar-vos montes de coisas. Alinhem. Talvez ele esteja numa semana complicada e não tenha tempo para vocês. Sejam independentes.

Passem tempo com o vosso anfitrião

Mesmo que tenham 1.000 sítios a visitar, guardem algum tempo para passar com o vosso anfitrião. Convidem-no para passear, para jantar ou para beber um copo. Não se esqueçam que o objectivo do Couchsurfing é partilhar experiências. Tentem construir uma relação de amizade.

Mostrem etiqueta

Se o vosso anfitrião vos oferece o pequeno-almoço, retribuam no jantar. Se tiraram uma peça de fruta do frigorífico, reponham no dia seguinte. E vice versa.

Adaptem-se aos horários do anfitrião

Provavelmente a pessoa que vos recebe vai ter horas para cumprir e vocês não vão poder ficar dentro de casa durante esse tempo. Se calhar têm de acordar cedo. Se calhar têm de estar em casa a horas decentes e não podem ir para a rambóia até às 4h da manhã. Sejam flexíveis. Respeitem.

Antes da partida, deixem tudo imaculado

Arrumem os lençóis, lavem a loiça, ponham toalhas para lavar, etc. Couchsurfer limpinho vale por dois. E não se esqueçam que vão ser avaliados depois na página do Couchsurfing.

Ofereçam alojamento quando são alojados

Mesmo que vivam do outro lado do mundo, é sempre uma boa nota de despedida. E o vosso anfitrião vai agradecer. Talvez se voltem a encontrar noutra parte do mundo daqui a 10 anos!

dicas couchsurfing 2

E em jeito de nota final, quer sejam anfitriões, quer sejam hóspedes: quando a experiência termina… deixem uma referência no perfil. O Couchsurfing funciona porque as pessoas se avaliam mutuamente. Porque a confiança no estranho do outro lado da porta é gerada através de uma comunidade online que cria referências acerca dos outros. Quer a vossa experiência tenha sido boa ou assim-assim, não se esqueçam de deixar isso por escrito.

Gostaram da publicação acerca das dicas do Couchsurfing? Leiam também O que é o Couchsurfing – Vantagens e Desvantagens. Podem acompanhar o Contramapa no Facebook, Instagram e Twitter.

Chamo-me Diana.Gosto de ler, gosto de escrever e tenho ganho o gosto de viajar. Decidi juntar as histórias acumuladas neste espaço e chamei-lhe Contramapa. Porque nas contracapas dos meus livros existe sempre um mapa, um sítio onde ir, um local a descobrir. Aqui podem conhecer as minhas histórias e viagens em livro aberto.

5 replies
  1. CarolReis
    CarolReis says:

    Apoiado, companheira!! Adorei as dicas.
    A propósito, o couchsurfing agora tem uma modalidade em que você coloca um anúncio público da sua viagem. Estou com um ativo no momento. Até agora só me apareceram uns “malas” querendo me hospedar, sem nenhuma referência. O último foi dizendo a notícia aos poucos, que era quarto compartilhado (disse que não havia problema), até por fim soltar “shared bed too”. kkkkkkk Haja paciência. hahahah
    Abraço!

    Responder
    • Diana
      Diana says:

      SHARED BED = MEDO!! Uii, nunca usei o anúncio público, mas parece-me que isso é um íman de “más intenções”. Mas se correr bem, diz-me, que vou querer saber! beijinhos e boa sorte com essa viagem… vais para onde? 🙂

      Responder

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.